‘Mamãe, um dia eu vou ficar branco?’, pergunta criança negra chamada de ‘cocô’ por colegas de escola

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Uma história compartilhada nas redes sociais nesta segunda-feira (19) mostra o tamanho do estrago e do trauma que pode ficar em uma criança vítima de racismo. Um menino negro de 5 anos perguntou da própria mãe se um dia ele mudar a cor da pele. “Mamãe, um dia eu vou ficar branco?” A questão foi feita por Mathew, de 5 anos, à estilista Claudete Alphonsus, e ela mesmo contou ao G1.

Os xingamentos ocorrem na zona Sul de São Paulo, dentro da escola onde Mathew estuda. Em uma sequência de stories ela mostra o filho chorando e relatando ser chamado de “cocô” pelos colegas por causa da cor de sua pele.

“Foi a coisa mais dolorosa de ouvir. Eu senti meu coração dilacerar e partir em pedacinhos. Sofri e chorei com ele. Peço a todos que tomem conta do mental de seus filhos pretos e não permitam que machuquem e nem permitam que eles façam seus filhos acharem que é feio por ser marrom! Ele tem 5 anos e já sofre o peso da cor… Não passarão…”, desabafou a mãe.

Mathew vive com sua família em Campo Limpo, também na Zona Sul, e vai na mesma escola desde 2021. Segundo Claudete, ela relatou na escola nesta segunda-feira (19) o que está acontecendo. “Hoje pela manhã realizamos uma reunião extensa com a escola do meu filho que nos informou que ira averiguar todo o ocorrido para nos trazer uma resposta. Por enquanto entendemos que há um caminho longo para que possamos superar essa situação”, contou.

“Inicialmente pedimos a assessoria jurídica para averiguarmos todas as questões antes de tomarmos as medidas necessárias”, disse.

]

Leia Também