Wilson Lima cancela agenda e monta comitê de crise para ajudar vítimas da tragédia da BR-319

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

O governador Wilson Lima se solidariza às vítimas e determinou a instalação de um Comitê de Resposta Rápida para coordenar as ações de resgate. Foi disponibilizada toda a estrutura do Estado com equipes da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Secretária de Estado de Saúde (SES-AM) que estão no local, com mergulhadores e ambulâncias de suporte avançado. “A prioridade é dar amparo às famílias, resgatar as vítimas e deixar a BR trafegável.”

Até o momento, 14 vítimas foram atendidas em unidades de saúde de Manaus e do município do Careiro Castanho. O Governo do Estado vai enviar balsas para fazer o deslocamento de carros no local, enquanto o Governo Federal trabalha na reconstrução da ponte.

O Instituto Médico Legal do Amazonas (IML) confirma a morte de três pessoas em decorrência do desabamento de uma ponte na BR-319. São duas vítimas do sexo masculino e uma do sexo feminino.

Pelo menos 12 veículos afundaram com o desabamento da ponte na rodovia federal. Há relatos de pessoas submersas, por isso, equipes de mergulhadores do Corpo de Bombeiros estão no local. Mas ainda não houve localização das supostas vítimas.

O Governo do Estado salienta que o atendimento às vítimas e a busca de possíveis desaparecidos está em curso e, por enquanto, não há mais informações confirmadas.

Leia Também