Uma semana após agredir faxineira com mangueira, empresário se cala na polícia

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Levou uma semana para o empresário Rafael Birro se apresentar na polícia depois de agredir a faxineira que lavava uma calçada em Belo Horizonte. O homem de 35 anos porém decidiu ficar calado nesta sexta-feira (23/09), em vez de dar depoimento.

“Sobre os fatos relativos à agressão praticada contra Lenirge Alves de Lima, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) informa que o investigado Rafael Birro compareceu, nesta sexta-feira (23/09), na Delegacia de Polícia para prestar declarações e optou pelo direito de manter-se em silêncio. A PCMG esclarece que ele assinou Termo de Compromisso de comparecimento em audiência judicial já agendada, como determina a Lei”, disse a Polícia Civil, em nota.

O caso gera revolta pela covardia do empresário. A agressão ocorreu na sexta-feira (16/09), enquanto a faxineira lavava a calçada do prédio em que trabalha usando uma mangueira. Além de ser encharcada pelo empresário, Lenirge caiu na calçada e machucou o joelho.

A faxineira registrou um boletim de ocorrência no dia da agressão. No sábado (17/09), ela passou por um exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) da capital.

Leia Também