Sete toneladas de pirarucu ilegal são apreendidos pela polícia em embarcações

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Na madrugada desta sexta-feira (13), policiais militares do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb), em conjunto com a Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPCães), apreendeu, em ocorrências distintas, aproximadamente, sete toneladas de pescado ilegal. O material estava sendo transportado em duas embarcações, ancoradas na orla de Manaus. O pescado apreendido, segundo a polícia, representa um prejuízo ao crime avaliado em R$ 660 mil.

Durante a fiscalização ambiental realizada na Operação Hórus, do Ministério da Justiça e Segurança Pública, os policiais abordaram duas embarcações e localizaram o material sendo transportado de forma ilegal. O pescado apreendido é da espécie Arapaima gigas (pirarucu) que se encontra no período do defeso, estando proibida sua pesca e comercialização. Em uma das embarcações, uma arma de fogo e três cartuchos foram apreendidos.

Os responsáveis pelas embarcações foram questionados sobre a procedência e guia de comercialização do pescado, mas nenhum deles informou ou apresentou qualquer documentação. Os proprietários receberam voz de prisão. O suspeito flagrado com a arma de fogo foi conduzido ao 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP). O proprietário da embarcação com o pescado foi levado para a Delegacia Especializada em Crimes Contra o Meio Ambiente e Urbanismo (Dema). Todo o pescado apreendido será doado para instituições filantrópicas.

Leia Também