Preso trabalhando como mototaxi, suspeito de assassinar segurança de padaria em Manaus

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Nesta segunda-feira (18), agentes da Delegacia Especializada em Roubos Furtos Defraudações (DERFD), prenderam Adailson Gomes da Silva, de 32 anos, suspeito de participar da morte do segurança Paulo Alves Bezerra, de 63 anos. O crime aconteceu no dia 28 de abril deste ano, em uma padaria, bairro Cidade Nova, zona norte de Manaus.

Segundo o delegado Adriano Félix, no momento da prisão, o suspeito estava trabalhando como mototaxi na Bola do Produtor, na Zona Leste da cidade. Ainda conforme a autoridade, Adailson estava acompanhado no dia do crime de um outro homem, vulgo ‘Perninha’ que está sendo procurado.

Ambos estavam vestidos de garis e renderam os clientes e funcionários do local. Adailson percebeu que a vítima estava armanda e atirou na cabeça do segurança. Depois do crime, eles fugiram em um carro dirigido por Felipe Monteiro Brito, indicado como mandante do crime. Isso porque dias antes, ele foi até o local oferecer forma de ovos.

Na ocasião, ele avistou uma caixa de sapatos próximo ao caixa com dinheiro e lancou a proposta para Perninha e Adailson.

A autoria foi descoberta pelo irmão de Adailson, Adenilson procurou o 4ª DIP para registrar o Boletim de Ocorrência contra o roubo do seu carro. O veículo foi usado para o crime. O suspeito, não avisar ao irmão que havia usado o carro para cometer a ação criminosa na qual ficou com medo e abandonou o veículo.

O irmão do suspeito foi encaminhado até a DERFD onde ele esclareceu os fatos. Após a prisão, ele confessou que atirou contra a vítima e que a farda usada no crime seria dele que trabalhou meses atrás como gari.

Leia Também