Grupo criminoso decapitou jovem no lugar do irmão dele; cinco ainda são procurados

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Sândalo Rebouças Marinho, de 19 anos, segundo informações da Polícia Civil, não tinha envolvimento com crimes. Ele foi decapitado no lugar do irmão dele, que seria de uma facção criminosa. Nesta terça-feira (29), Kevin Gomes de Oliveira, de 21 anos, foi preso por participação no crime.

De acordo com a delegada Deborah Barreiros, da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), os criminosos buscavam o irmão de Sândalo, que recentemente teria saído da facção criminosa. No entanto, no dia do crime, ele não foi encontrado e os suspeitos pegaram a vítima conforme ordem de Gileno Oliveira do Carmo e Jucimara Oliveira do Carmo, a “Baixinha”. Ambos tiveram a imagem divulgada e são procurados.

Os criminosos sequestraram o rapaz em julho deste ano, no bairro Colônia Antônio Aleixo, Zona Norte de Manaus, e o decapitaram. Eles arrancaram a cabeça de Sândalo numa canoa, fizeram um vídeo segurando o membro e enviaram a mídia para a família da vítima, que ficou desesperada procurando pelo corpo.

A polícia divulgou imagens dos outros criminosos também envolvidos. São eles: Franciney Lemos Ferreira, Kelvisson Souza de Oliveira, o “Neném” e Messias Ferreira de Oliveira, além de Gileno e Baixinha. Três pessoas, no total, já foram presas segundo informações da DEHS.

Informações sobre os procurados podem ser repassadas para a PC pelo 181. Não é preciso se identificar.

 

Leia Também