Karen Francis lança projeto ‘Acontecer – Ao Vivo’ nesta quinta (8)

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
Foto: Divulgação

Projeto é adaptação do EP de estreia da cantora, lançado em 2018. Karen é dona de um alcance vocal que provoca emoções a quem escuta, a cantora e compositora amazonense Karen Francis lançará na próxima quinta-feira (90 o projeto “Acontecer – Ao Vivo”, que formata para um espetáculo ao vivo o EP lançado em 2018, no Youtube, às 11h.

Segundo Karen, o objetivo é mostrar a música dentro do formato em que mais gosta, que é ao vivo: a cantora assistiu a muitos shows e live sessions para se inspirar na hora de planejar o projeto. Além disso, a reformatação do EP ‘Acontecer’ para o ao vivo para uma sonoridade mais próxima do rhythm and blues, ou R&B, estilo de onde ela mais traz referências. 

Nós viemos com essa pegada de R&B, uma nova roupagem e uma sonoridade mais madura. Eu participei da elaboração dos arranjos, trabalhando também como diretora-geral do projeto. A Elisa Maia foi a diretora musical, e o Neil Armstrong Jr, que é guitarrista, cuidou de preencher o espaço da música, já que nossa formação foi principalmente guitarra, baixo e bateria. Minhas maiores influências nesse projeto foram as cantoras H.E.R., SZA, Jorja Smith e Ella Mai” Karen Francis, cantora e compositora.

Karen também citou os desafios de gravar um espetáculo ao vivo com uma banda, que poderá ser visto por anos e anos, mas que foi registrado em uma única performance.

“Foi bem desafiador gravar ao vivo, porque apesar dos processos de correção e edição do instrumental e dos vocais, o ao vivo sempre ‘pega’, porque é ele que vale. O formato ao vivo é o que eu mais gosto. Mas também foi muita diversão: é uma coisa que eu gosto, é algo diferente de gravar no estúdio. Tem também a coisa da impossibilidade do erro, que dá uma coisa a mais, humaniza a música”, explica.

Sobre as mudanças que houve na interpretação de músicas que já têm quatro anos de história e de apresentações, Karen falou de ‘ressignificação’ dentro das canções.  

As músicas mudaram porque eu mudei. No ano em que as compus, eu tinha meus 16, 17 anos. Era outra mentalidade, e as histórias que me levaram a essas composições já até se resolveram. Muita coisa ganhou um novo significado. Com essa roupagem, acredito que meu público revisitará estas canções e as olhará de uma forma nova, como se fosse uma renovação. O que quisemos foi fazer uma roupagem que fosse mais eletrizante, ainda que tocante”

Karen Francis, cantora e compositora

Karen recrutou Neil Armstrong Jr, guitarrista, Ediel Castro, baixista, e Andrew Dias, baterista, para que a acompanhassem na empreitada do espetáculo. Os músicos já conheciam Francis há alguns anos, e o entrosamento já existia, além de todos serem músicos com extensa bagagem no R&B. 

  Um projeto ao vivo era um objetivo de Karen desde que começou a carreira, e agora ela planeja dar o próximo passo: a estreia com um álbum de estúdio.  

“Eu queria gravar algo visual e ao vivo desde que comecei a me apresentar, e de certa forma sinto que estava me devendo isso. Agora, com o ‘Acontecer – Ao vivo’ pronto, eu encerro um ciclo e embarco nesse outro que já está em produção: o lançamento do meu primeiro álbum. Esse álbum já está sendo feito, vai ter dez faixas e vai misturar elementos de afrobeat e R&B”.

Leia Também