Homem é preso por estuprar a própria filha durante cinco anos em Manaus

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

MANAUS-AM| Na manhã desta terça-feira (25), um assistente administrativo de 37 anos foi preso preventivamente no bairro Novo Aleixo, zona norte de Manaus, por estuprar a própria filha de 11 anos.

Segundo a delegada Joyce Coelho, titular da Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (DEPCA), a filha era estuprada pelo pai desde os seis anos de idade, dentro da própria casa. A menina revelou que a mãe sabia dos abusos sexuais contra ela.

“Esse caso chegou para nós em abril deste ano. A criança estava passando um tempo na casa dos avós paternos e na hora de ir embora, ela demonstrou relutância em sair da residência. A menina então desabafou com a tia paterna sobre os abusos, que começaram desde os seus seis anos. Para maior espanto, a criança de 11 anos disse ainda que a mãe sabia dos fatos, que era conivente e chegou a presenciar um dos estupros”, disse.

A prisão preventiva foi decreta por conta de que na casa, ainda mora mais crianças, irmãs da vítima.

“A mãe será ouvida e se confirmada que é ela foi omissa, ela também irá responder por esse crime. Também vamos averiguar se os irmãos dessa criança já sofreu abuso. A criança traz um relato de medo, dor e solidão. Ela trouxe um detalhe, o que preocupa, porque ela contou que os abusos pioraram na pandemia. Ela revelou que até tinha vontade de contar pra professora, mas não podia por não ter aulas presenciais”, completou a delegada.

O homem foi conduzido para o Instituto Médico Legal (IML) onde passará pelo exame de corpo de delito e posteriormente, será conduzido para a Central de Recebimento e Triagem (CTR), onde ficará a disposição da justiça.

Leia Também