Comerciante é assassinado por se negar dar lanche para bandidos

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
Pessoas que estavam no local ainda chegaram a acionar o Samu, mas o comerciante não resistiu aos tiros e morreu.

Um comerciante foi assassinado após negar lanches de graça para bandidos do Morro do Quitungo, na zona Norte do Rio de Janeiro. O homem era conhecido como João do Lanche e morreu dentro do seu estabelecimento comercial.

O crime ocorreu na noite dessa quarta-feira (3). Testemunhas disseram que os criminosos chegaram ao local e exigiram que João desse lanche para eles. O homem negou e logo em seguida foi alvejado com diversos tiros.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ainda chegou a ser acionado, mas ao chegarem ao local os profissionais de saúde apenas constataram o óbito do comerciante.

Após o crime, os suspeitos fugiram do local. A Polícia Civil daquela região irá investigar a autoria do assassinato. Amigos e familiares de João se lamentaram pela morte do trabalhador. “Sinceramente, não tem explicação. Um cara trabalhador e ter esse triste fim. É revoltante. Meus sentimentos a todos os familiares”, disse um amigo da vítima.

O comerciante foi enterrado nesta quinta-feira (4), no Cemitério do Caju, também na Zona Norte da capital fluminense.

Leia Também