Com medo, influenciador vai até o 6º DIP e pede desculpas da PM e PC: ‘Fizemos um vídeo desrespeitoso’; veja

Facebook
Twitter
WhatsApp

A consciência pesou e o influenciador digital William Barão e os amigos apagaram o vídeo que fizeram em frente ao 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP), na Zona Norte de Manaus, falando que iam fazer uma rifa para ajudar Lucas Picolé e Mano Queixo, presos durante operação da Polícia Civil.

ADVERTISEMENT

O vídeo não pegou bem para as instituições, fazendo o delegado Cícero Túlio se manifestar e pedir que eles se apresentassem. A Polícia Civil também não curtiu a “zoação” em frente à delegacia e o sargento Salazar chegou a postar mensagem dizendo que ia atrás do grupo.

Na frente do 18º DIP, influenciadores anunciam rifa para ajudar Lucas Picolé e delegado se manifesta

Nesta manhã, os influenciadores se anteciparam e foram até o 6º DIP, na Cidade Nova. O sargento Salazar os recebeu. “Rapaziada, vocês acabaram vendo a m3rd@ que eles fizeram. Total desrespeito com a Polícia Militar e Polícia Civil. Ficaram com medo porque o bagulho ia ser doido em cima deles”, disse.

William Barão disse que faz conteúdo humorístico e que o vídeo foi sem pensar, mas sem intenção. “Fizemos um vídeo desrespeitoso”, disse ele, estendendo as desculpas à PM e PC.

O sargento disse ainda que o vídeo seria apagado de todas as plataformas onde foram publicadas.

Vídeo: Influenciador de Manaus debocha ao ser criticado por distribuir corote em ‘ação social’ a pessoas na rua

Leia Também

plugins premium WordPress
error: Conteúdo protegido contra cópia!