Marido tenta salvar esposa de afogamento e os dois acabam afundando e morrendo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
O casal passeava em uma cachoeira junto com o filho. O menino foi acolhido por amigos e familiares.

Um casal morreu afogado no último sábado (19), em uma cachoeira situada na cidade de Alvinópolis, na região central de Minas Gerais. Segundo o Corpo de Bombeiros, marido e esposa estavam passeando junto com o filho, quando a mulher entrou na água e começou a se afogar. O marido se jogou para tentar salvá-la, mas os dois acabaram afundando.

A mulher, Elizângela Maria Pereira Perdigão, de 32 anos, e o esposo, Tiago Perdigão, de 32 anos, se divertiam no local, que é conhecido como Fazenda Fraga. Após o acidente, o Corpo de Bombeiros foi acionado para localizar os corpos.

Tiago foi encontrado ainda no sábado, porém, o corpo de Elizângela só foi localizado nesse domingo (20). O filho do casal, que não teve a identidade, nem a idade reveladas, foi acolhido por amigos e familiares.

Nas redes sociais, amigos e familiares prestaram homenagens ao casal. Os corpos deles foram velados e enterrados nesta segunda-feira (21).

“A nossa catequese está de LUTO! Com muita tristeza no coração recebemos a triste notícia de morte. A querida catequista Elizângela Pereira (do Setor Catequético Nossa Senhora das Graças, Vista Alegre) e seu esposo Tiago Perdigão, faleceram, ontem, dia 19/03/2022 (acidente/afogamento). Só Deus pra confortar os nossos corações e de toda família! Senhor, tenha misericórdia”, diz mensagem publicada no grupo Catequese Vinde a Mim, de Santa Bárbara.

Leia Também