Wilson Lima lança 56º Festival Folclórico de Parintins no Bumbódromo e destaca geração de emprego e renda na Ilha

Facebook
Twitter
WhatsApp

O governador Wilson Lima realizou, na noite desta sexta-feira (17/03), o lançamento do 56ª Festival Folclórico de Parintins (distante 369 km de Manaus), no Bumbódromo da Ilha Tupinambarana. O Festival acontece nos dias 30 de junho, 1º e 2 de julho e, conforme determinação do governador, o evento vai focar em três pilares principais: cultura, turismo e sustentabilidade.

ADVERTISEMENT

“Quero reafirmar o compromisso que nós temos com a festa. Reforçar o compromisso que temos com a geração de emprego e renda. O festival representa isso para a população que vive aqui. Tem gente que espera por isso o ano todo, para que possa ter uma renda extra. E esse ano nosso festival tem três pilares importantes, que é a cultura, o turismo e a questão da sustentabilidade”, relatou o governador Wilson Lima.

O investimento do Governo do Amazonas no festival, em 2023, é de R$ 10 milhões – R$ 5 milhões para cada bumbá -, além do patrocínio da Coca-Cola na ordem de R$ 2,5 milhões – R$ 1,25 milhão para cada boi. A expectativa do Estado, segundo a Secretaria de Cultura e Economia Criativa, é que o festival gere em torno de dois mil empregos diretos e até 20 mil indiretos, em trabalhos com obras, limpeza e outros.

A cerimônia de lançamento do festival, no bumbódromo, teve início com uma apresentação do boi-bumbá Caprichoso, que foi escolhido para abrir a festa por meio de sorteio. O boi-bumbá Garantido foi o segundo a fazer a sua apresentação, com seus itens oficiais dando largada à festa.

“Esse ano o governo (estadual) é de novo o maior patrocinador dessa festa, tanto do ponto de vista financeiro como da estrutura do festival. E nós estamos muito gratos a isso”, afirmou o presidente do Garantido, Antonio Andrade. “Esse investimento que o Governo do Estado faz, a gente só tem a agradecer ao governador (Wilson Lima)”, completou o presidente do Caprichoso, Jender Lobato.

No intervalo das apresentações, foi apresentada a marca oficial do 56º Festival Folclórico de Parintins e o governador ainda fez a entrega simbólica de 1,2 mil Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) – botas, calças, camisas e capacetes – aos trabalhadores que atuam nos galpões dos bois Caprichoso e Garantido, onde são criadas as alegorias.

Além do governador, participaram do anúncio o vice-governador Tadeu de Souza; a primeira-dama Taiana Lima; o prefeito de Parintins, Bi Garcia; os deputados estaduais Roberto Cidade – presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam); Mayra Dias; Abdala Fraxe; Mário César Filho; o deputado federal Saullo Viana; além de vereadores da cidade, secretários do Estado, além de moradores da Ilha.

Segundo Wilson Lima, é importante incluir cada vez mais os moradores de Parintins nas ações que envolvem o Festival Folclórico, sendo o caso, por exemplo, da dupla de jovens artistas parintinenses Kemerson Freitas e Alziney Pereira, os ‘Curumiz’, que assinam a marca oficial do Festival Folclórico de Parintins 2023 e também são autores do mural “Vitória da Cultura Popular”, na fachada do Centro Cultural Bumbódromo.

Outras ações do Estado

Durante a realização do festival, o Governo do Estado realizará diversas ações focadas nos três pilares do festival, incluindo o fortalecimento da Campanha de Combate à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes no Turismo como o tema: “Exploração sexual de crianças e adolescentes não é turismo. É crime” em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).

O governador Wilson Lima também anunciou diversas melhorias voltadas à infraestrutura e moradia, como a assinatura da desapropriação de cerca de mil imóveis do bairro Paschoal Allágio e o anúncio da implantação do Programa de Saneamento Integrado de Parintins (Prosai Parintins), além da maior intervenção turística na cidade de Parintins, que devem ser lançadas na época do Festival Folclórico.

O Governo do Amazonas realizará, ainda, mais uma edição da campanha “Recicla, Galera”, fruto de uma parceria da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) e Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), junto à Coca-Cola Brasil. A ação é concebida com o objetivo de promover um festival mais limpo, incentivando a destinação correta dos resíduos recicláveis.

Para o ano de 2023, a Companhia de Saneamento do Amazonas (Cosama) está montando uma operação que terá duração de uma semana envolvendo colaboradores da Companhia e parceiros. A ação irá contemplar o festival com a distribuição de 250 mil copos temáticos de água tratada produzidos na primeira fábrica envasadora do Amazonas, localizada no município de Manaquiri. Os copos serão distribuídos em pontos estratégicos da cidade e para os bumbás.

Leia Também

plugins premium WordPress
error: Conteúdo protegido contra cópia!