Influenciadora denuncia ter sido dopada e estuprada em camarote de festival de rodeio

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
A vítima disse que só percebeu que tinha sido violentada após sentir fortes dores e procurar um médico.

A influenciadora digital e universitária Franciane Andrade, de 23 anos,  contou em suas redes sociais, nessa terça-feira (30/11), que foi vítima de um estupro no Jaguariúna Rodeo Festival, no município de Jaguariúna (SP). O evento aconteceu no último fim de semana e, segundo a jovem o responsável pelo crime a dopou e a retirou do camarote onde estava.

A jovem disse que não sabia que havia sofrido a violência, e que decidiu ir ao médico pois começou a sentir dores. Após descobrir sobre a violência, Andrade registrou um Boletim de Ocorrência (BO) e, logo depois, foi até o Instituto Médico Legal (IML), onde foi comprovado o estupro. “Ele [médico] não soube me dizer se foi um, dois, ou três”, disse Franciane.

Ainda segundo a estudante, elas estava criando coragem para falar com os pais sobre o ocorrido. Franciane também reclamou sobre a falta de segurança no evento. “Eu paguei um dos camarotes mais caros para ter segurança e não acontecer isso, e ninguém me ajudou, nenhum segurança me ajudou, ninguém”, lamentou. “Estou aqui na Santa Casa de Mogi Guaçu para tomar coquetel, porque eu posso pegar uma doença ou engravidar”.

Leia Também