TRE suspende distribuição de benefícios sociais para vítimas de temporal em Itacoatiara

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Na manha desta quarta-feira (21/09), o juiz Saulo Goes Pinto, da 1ª Vara da Comarca de Itacoatiara (AM), mandou parar a distribuição de cestas básicas para as vítimas do temporal que castigou Itacoatiara. O motivo seria que a ação pode ser confundida com propaganda eleitoral.

A Secretária de Assistência Social de Itacoatiara estava distribuindo os mantimentos com Defesa Civil e o Governo do Estado. O temporal causou prejuízos inesperados para a população Itacoatiarense.

A previsão era que mais de 800 famílias em vulnerabilidade social recebessem a ajuda humanitária. Mas com a ordem do TRE, tudo foi interrompido. Na cidade o clima é de revolta, já que a ação ajudaria os mais atingidos.

Leia Também