Seis PMs cobravam R$ 300 mil para autorizar o tráfego de avião com drogas no Amazonas

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

No município de Tefé ( a 522 km de Manaus), seis policiais militares foram presos por suspeita de participação em um esquema de tráfico de drogas. A informação foi repassada através do site do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) nesta sexta-feira (2).

As autoridades, se apropriavam dos entorpecentes e cobravam dos traficantes R$ 300 mil para autorizar a passagem de aviões fretados com o material.

De acordo com uma mulher que foi contratada como “mula” por eles, um dos PMs chefiava o tráfico na região  entre Tefé e Japurá. Os policiais também “vendiam” proteção aos criminosos.

O TJAM informou também que junto ao Comando da Polícia Militar, foram apuradas mais “informações do envolvimento de mais três policiais no esquema de de cobertura ao tráfico, extorsão de traficantes e garimpeiros de Japurá, com apreensão de drogas e apropriação do material, com cobrança, em média, de R$ 300 mil para permitir a passagem de aviões fretados sem fiscalização”.

Leia Também