‘Posso perder o pé’, diz idosa arrastada por motorista de aplicativo durante corrida em Manaus

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

A mulher que aparece em vídeo sendo arrastada por um carro em movimento, dirigido por uma motorista de transporte por aplicativo, é a técnica de enfermagem Maria do Rosário, de 60 anos. A idosa, que esteve no 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP), na tarde desta quarta-feira (12), teve vários ferimentos pelo corpo e disse que corre o risco de perder o pé.

Diabética, a mulher contou que a motorista, uma mulher, passou com as duas rodas em cima. “Eu estou com um pé quase necrosado, todo roxo, e também muita dor nas costas. O médico disse que preciso ter cuidado porque sou diabética e posso perder o pé”, disse ela, revelando ainda que o filho chegou a desmaiar no momento do fato.

Tudo aconteceu quando a idosa estava indo para a casa de um parente. A corrida foi solicitada por volta das 17h, no bairro Lírio do Vale, Zona Oeste. No entanto, assim que a motorista chegou ao endereço, houve uma discussão e a mesma se recusou a seguir viagem.

Quando Maria do Rosário estava saindo do carro, a motorista teria “arrancado” e a idosa ficou pendurada. “Eu fiquei pendurada na porta e as pessoas na rua gritando. Um motoqueiro seguiu e ficou na frente dela pra ela parar”, revelou a vítima.

Nesta quarta-feira, Maria esteve na delegacia e denunciou a motorista. Ela informou que já sabe quem é e pediu justiça.

Um Boletim de Ocorrência (BO) foi registrado e a idosa faria exame de corpo de delito. Não há informações sobre o que a empresa de transporte fez em relação à motorista.

Leia Também