Wilson Lima repudia ataque de Braga, que ofendeu ministra com gritos e palavrões

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
O senador Eduardo Braga humilhou a ministra Flávia Arruda (Secretaria de Governo) em uma ligação de telefone nesse domingo (12).

O governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), se pronunciou em defesa da ministra da Secretaria de Governo, Flávia Arruda (PL-DF), após o senador do Estado Eduardo Braga (MDB) ter um ataque de nervos durante um telefonema para ela. Na ocasião, Braga teria xingado, gritado e desferido palavras de baixo calão, fazendo-a chorar.

O motivo da irritação do senador, que já é conhecido por ter este tipo de comportamento, foi sobre as emendas parlamentares, que segundo ele, foram negadas pelo Palácio do Planalto. Após o ataque de ofensas, Flávia passou a ligação para o chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, ocasião em que Braga recuou e mudou o tom da conversa.

Ao saber sobre o ocorrido, Wilson Lima fez uma publicação em sua conta no Twitter no qual repudiou o comportamento de Eduardo Braga. “Minha solidariedade à ministra-chefe da Secretaria de Governo do Brasil, Flávia Arruda, que foi agredida por um senador conhecido por sua arrogância e brutalidade. Como lhe disse pelo telefone, o povo do Amazonas repudia esse tipo de comportamento. Aqui, esse tempo acabou”, desabafou. Flávia Arruda foi a deputada do PL mais votada no Distrito Federal nas eleições de 2018.

Procurada para comentar sobre o episódio de ontem, a assessoria de Eduardo Braga preferiu não se pronunciar.

Veja a publicação do governador Wilson Lima:

Leia Também