TRE-AM suspende cassação de Augusto Ferraz e Robson Adriel em Iranduba

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), Wellington José de Araújo, suspendeu a cassação do prefeito e vice-prefeito do município de Iranduba.

Augusto Ferraz e seu vice Robson Adriel Maia, são suspeitos de abuso de poder econômico e político na eleição passada. A decisão de cassar os mandatos partiu da juíza Dinah Câmara Fernandes, que comanda a Justiça eleitoral da cidade.

A cidade vive um clima de briga política entre o prefeito e a oposição, que o acusa desde 2018 de usar dinheiro para vencer as eleições. Ferraz era deputado estadual e se candidatou em Iranduba sem ter histórico de proximidade com o município.

Ferraz ainda não comentou o caso, mas agiu rápido nos batidores para não sair do poder. Na decisão, o desembargador afirma que tirar do poder um político eleito pelo povo é uma “expecionalidade.”

LEIA A DECISÃO NA INTEGRA

Leia Também