Doria diz não acreditar que Bolsonaro consiga chegar ao 2º turno das eleições de 2022: “Ele se autodestrói”

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
O tucano, que também é pré-canditado à presidência da República, acredita que o segundo turno só está certo para o petista Lula.

Nesse domingo (9), o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse em entrevista ao Canal Livre, da Band, que não acredita que o atual presidente da República, Jair Bolsonaro (PL) consiga chegar ao segundo turno da eleição presidencial de 2022. Segundo o tucano, Bolsonaro se autodestrói.

“Eu não acredito que Bolsonaro vá para o segundo turno das eleições. Mesmo com 20, 25% (das intenções de votos), eu vejo ele em declínio. Ele se autodestrói, é o seu maior adversário”, disse. “Evidentemente, o tempo vai dizer se estou certo ou errado. E vejo Lula (PT) disputando o segundo turno das eleições. Ele tem mantido uma estabilidade no seu comportamento das pesquisas”, acrescentou o governador.

E apesar de avaliar com base nas pesquisas recentes, Doria acredita que o cenário possa ser diferente do que vem sendo mostrado. “Nenhuma pesquisa antecipa resultado. Nenhuma”, afirmou. “Acho que até junho, entre maio e junho, isso já estará bem posicionado, diferente da situação de hoje. Você não pode ser ansioso na política. Isso eu aprendi”, destacou o pré-candidato à presidência da República.

Doria disse ainda que mantém em aberto a possibilidade de uma aliança com Sergio Moro (Podemos). Em dezembro os dois se encontraram na casa da presidente nacional do Podemos, Renata Abreu “O encontro com Moro foi bom. Eu gosto dele, o mundo da política não gosta. Vamos manter o diálogo até maio, junho, e lá ver quem tem maior viabilidade para disputar em nome da terceira via”.

Leia Também