Trio alvo de ataque em viatura da PC tinha sido preso ao tentar matar rivais na zona Sul de Manaus

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
Eles tinham sido presos com várias armas na noite dessa quarta-feira (5) no momento que se preparavam para atacar rivais.

No início da tarde desta quinta-feira (6), uma viatura da Polícia Civil do Amazonas foi alvo de um ataque criminoso que tinha como objetivo matar três presos que estavam sendo conduzidos para participar de audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch Reis, na zona Centro-Sul da cidade. Um deles morreu e dois ficaram gravemente feridos.

Informações preliminares dão conta de que os suspeitos fuzilados são Matheus Danilo Barros Dias, o “Percatinha”, de 24 anos, Patrick Regis de Sena, de 28 anos, e Antônio Marlon Silva dos Santos, de 48 anos. Entre os presos, Matheus morreu na hora com diversos tiros na cabeça e costas.

O trio havia sido preso na noite dessa quarta-feira (5) no momento que se deslocavam para atacar membros de uma facção criminosa no Prosamim do Mestre Chico, na zona Sul de Manaus. Eles foram apresentados no 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP) juntamente com as armas que foram apreendidas com eles.

A principal suspeita do ataque de hoje é que a autoria seja dos rivais que seriam alvo do trio na noite anterior. Os suspeitos teriam monitorado o momento que eles saíram do 1º DIP e atacado a viatura antes que eles conseguissem chegar ao Fórum de Justiça.

A viatura que conduzia os presos foi completamente fuzilada em plena luz do dia e ao lado do fórum. Durante a ação criminosa uma investigadora identificada como Priscila foi atingida com um tiro de raspão. Ele levada para um hospital da cidade e segundo os colegas da PC, passa bem.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), deverá realizar uma coletiva nas próximas horas para dar mais detalhes do caso.

Leia Também