‘Ou vai vir em pé ou deitado’, diz comandante da PM sobre ‘caça’ a assassino de policial; vídeo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Durante solenidade em comemoração aos 185 anos da Polícia Militar do Amazonas, o comandante-geral da PM, coronel Vinícius Almeida, disse que vai ficar à frente da “caça” aos responsáveis pela morte do cabo da PM Isaías Filho, de 38 anos, encontrado morto nesta quarta-feira (4). O policial estava no mesmo terreno onde houve um triplo homicídio no dia anterior, na rua Praia do Forte, no Parque Riachuelo, bairro Tarumã, Zona Oeste.

“Eu pessoalmente estarei na frente da tropa e nós não vamos parar enquanto nós não responsabilizarmos quem fez isso. Ou vai vir em pé ou vai vir deitado. Nós só iremos sair da rua quando esse crime for solucionado”, decretou o coronel, que disse ainda que era uma “questão de honra” achar o culpado.

O governador Wilson Lima (UB) lamentou a morte do PM e também determinou “empenho total” das forças de segurança na captura dos suspeitos.

“Determinei que a SSP-AM e as policias civil e militar que empenhem força total nas buscas pelos assassinos do cabo Isaías Filho. À família do policial, garanto que esse crime não ficará impune”, disse o governador.

Leia Também

error: Conteúdo protegido contra cópia!