Mãe é presa por cobertar marido investigado por estuprar a própria filha: ‘não vi abuso’

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Uma mulher que não teve o nome divulgado foi presa pela Polícia Civil de Goiânia, suspeita de acobertar o marido, investigado por estuprar a filha dela, de 12 anos. O crime aconteceu em Abadia de Goiás, na Região Metropolitana de Goiânia. De acordo com as investigações, a mulher teria flagrado o crime, mas preferiu mentir para protegar o marido, que ainda não foi preso. O mandado de prisão temporária de 30 dias foi cumprido na quarta-feira (8).

De acordo com a PC, o crime aconteceu quando a criança estava em casa sozinha com o padrasto. Quando a mãe voltou, ela viu a cena criminosa em mesmo assim não procurou a polícia. Em depoimento aos policiais, ela disse que não viu nenhum abuso.

Com base em no que foi dito por testemunhas e nas provas colhidas durante a investigação, a Polícia Civil percebeu que a mãe estava mentindo para defender o companheiro.

Leia Também