Anestesista é preso flagrado estuprando paciente durante parto cesáreo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Na madrugada desta segunda-feira (11), o médico anestesista Giovanni Quintella Bezerra, foi preso, em flagrante, suspeito de esturpar uma paciente no Hospital da Mulher em Vilar dos Teles, São João Meriti, no Rio de Janeiro, durante o parto cesário.

Conforme as informações, enfermeiras com certas desconfianças do homem filmaram a pratica do crime e levaram as imagens até a direção da unidade. O suspeito havia colocado o pênis na boca da mulher enquanto participava do parto.

No vídeo do flagrante, a paciente está deitada na maca, inconsciente. Do lado esquerdo do lençol, a equipe cirúrgica do hospital começa a cesariana. Enquanto isso, do lado direito do lençol, a menos de um metro de distância dos colegas, Giovanni abre o zíper da calça, puxa o pênis para fora e o introduz na boca da grávida. A ação do médico durou quase 10 minutos.

A Fundação Saúde do Estado do Rio de Janeiro e a Secretaria de Estado de Saúde, a que o Hospital da Mulher de Vilar dos Teles, em São João de Meriti, está subordinado, repudiaram em nota a conduta do médico anestesista.

“Informamos que será aberta uma sindicância interna para tomar as medidas administrativas, além de notificação ao Cremerj. A equipe do Hospital da Mulher está prestando todo apoio à vítima e à sua família”, afirmaram.

O homem foi levado até a delegacia para prestar esclarecimento.

imagens: Reprodução/TV Globo

Leia Também