Publicidade

Piloto que morreu no acidente de avião em Barcelos ‘não teve pista suficiente para frear’

Facebook
Twitter
WhatsApp

O piloto Leandro Costa de Souza, de 40 anos, não teve como evitar o acidente que matou 14 pessoas em Barcelos no sábado (16). De acordo com o Secretário de Segurança Pública do Amazonas, Coronel Vinícius Almeida, testemunhas confirmaram que “a aeronave chegou a aterrissar, mas não teve pista suficiente para frear”.

ADVERTISEMENT

Leandro será sepultado em Boa Vista. O corpo dele e das demais vítimas foi liberado nesta segunda-feira (18) no IML de Manaus. “Ele era extremamente responsável, cauteloso em tudo que fazia e extremamente ligado a família”, confirma a médica Leidiana Nobles.

Foram 11 anos fazendo a mesma rota. As causas do acidente serão investigadas.

Leia Também

plugins premium WordPress
error: Conteúdo protegido contra cópia!