Pelé não responde a quimioterapia e está em cuidados paliativos

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Pelé não responde mais ao tratamento quimioterápico que vinha fazendo desde setembro do ano passado após passar por cirurgia de câncer no intestino. O ex-jogador está em cuidados paliativos exclusivos, ou seja, a quimio foi suspensa e ele segue recebendo medidas de conforto para aliviar a dor e a falta de ar. Pelé está internado no Hospital Israelita Albert Einstein, desde a última terça-feira (29).

Cuidados paliativos são indicados a todos os pacientes com doenças ou condições progressivas e potencialmente mortais. As medidas vão depender dos sintomas, da funcionalidade e do prognóstico, ou seja, quanto tempo de sobrevida se espera para o paciente.

Na tarde de ontem (2) o Hospital Israelita Albert Einstein informou através de nota que Pelé teve diagnosticado com uma infecção respiratória, após ser internado na terça.

“A resposta tem sido adequada e o paciente, que segue em quarto comum, está estável, com melhora geral no estado de saúde”, diz o comunicado assinado pelos médicos Fabio Nasri, geriatra e endocrinologista, o oncologista Rene Gansl e Miguel Cendoroglo Neto, diretor-superintendente médico do Einstein

Segundo a nota o craque segue internado.

Leia Também