Operação da PF tenta prender pedófilo em Manaus e descobre que ele morreu em outubro

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

A “Operação Guardiões da Infância” montada em todo o Brasil nesta terça-feira (22) teve uma decepção em Manaus. Os agentes identificaram a casa de um homem condenado por pedofilia no bairro Lago Azul, na zona Norte, mas quando chegaram lá descobriram que ele morreu no mês de outubro deste ano.

Não foi informada a causa da morte, mas nem por isso a operação foi um fracasso. É que um idoso de 80 anos foi preso  na cidade de Apuí (a 1.098 quilômetros de Manaus), por abusar de um menor na cidade.

A Polícia Federal busca retirar da sociedade condenados pela justiça que ainda estão soltos por crimes sexuais contra crianças e adolescentes. Foram cumpridos 23 mandados de prisão, com a detenção de 100 foragidos em 26 estados e no Distrito Federal.

Leia Também