O Convergente/Pesquisa: Wilson Lima lidera 2º turno com 58,1% de votos válidos

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Um levantamento feito pelo Instituto de Consultoria em Ensino, Pesquisas e Mídias – O Convergente/Pesquisa, que avaliou o cenário para o segundo turno das eleições no Amazonas e divulgado nesta terça-feira, 11/10, mostra o governador do Amazonas e candidato à reeleição, Wilson Lima (União Brasil), com 58,1% dos votos válidos. O Convergente/Pesquisa mostrou ainda que seu adversário neste segundo turno, o senador Eduardo Braga (MDB), tem 41,9% da intenção de votos.

Conforme O Convergente/Pesquisa, Wilson Lima lidera tanto na capital, com 53,7%, quanto no interior do Estado, onde aparece com 62,6%. No mesmo cenário, Braga têm 46,3% de votos válidos na capital, e 37,4% no interior do Amazonas.

Levantamento

O levantamento feito pelo O Convergente/Pesquisa, que ouviu 1.996 pessoas, foi feito entre os dias 3 a 6 de outubro, em Manaus e em sete munícipios do interior do Amazonas, sendo: Itacoatiara, Manacapuru; Parintins; Coari; Tefé; Tabatinga, e Maués. Nesses sete municípios foram ouvidas 930 pessoas.

Em Manaus, foram ouvidas 1.066 pessoas, em 44 bairros das seis zonas da capital.

Zona Norte – Cidade Nova; Novo Aleixo; Novo Israel; Santa Etelvina; Colônia Terra Nova; Monte das Oliveiras; Nova Cidade; Cidade de Deus, e Lago Azul.

Zona Leste – Coroado; São José Operário; Armando Mendes; Zumbi dos Palmares; Mauazinho; Jorge Teixeira; Tancredo Neves, e Gilberto Mestrinho.

Zona Sul – Centro; Cachoerinha; Morro da Liberdade; Educandos; São Francisco; Japiim; Petrópolis; Crespo; Raiz, e Betânia.

Zona Oeste – São Jorge; Santo Antônio; Compensa; Lírio do Vale; Santo Agostinho; Tarumã; Nova Esperança, e São Raimundo.

Zona Centro-Oeste – Dom Pedro; Alvorada; Planalto, e Redenção.

Zona Centro-Sul – Nossa Senhora das Graças; Parque 10 de Novembro; Aleixo; Flores, e Adrianópolis.

A pesquisa do O Convergente/Pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número AM-03694/2022, possui grau de confiabilidade de 95% e margem de erro de 2,2% para mais ou para menos, de acordo com os dados populacionais.

Leia Também