Deolane sobre arquivamento da investigação da morte de MC Kevin: ‘Espere no Senhor, pois sua justiça nunca falha’

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
Segundo o delegado, as investigações apontam que não houve crime no dia que MC Kevin caiu do 5º andar de um hotel, no Rio de Janeiro.

A Polícia Civil do Rio de Janeiro, que investiga a morte do funkeiro MC Kevin, ocorrida em maio deste ano, disse que pretende arquivar o caso. O cantor caiu da sacada do 5º andar do quarto de um hotel na Barra da tijuca, na Zona Oeste do Rio.

Segundo o delegado que investiga o caso, as investigações apontaram que não houve indícios de brigas, ações violentas ou qualquer tipo de crime no local. O laudo da perícia concluiu que MC Kevon sofreu uma queda acidental. Para a polícia, o que aconteceu na noite do dia 16 de maio foi que MC Kevin tentou sair do quarto pulando a janela para acessar o andar inferior e caiu.

A ex-mulher do funkeiro, a advogada Deolane Bezerra se pronunciou sobre o possível arquivamento. “A justiça dos homens pode lhe frustrar, mas confie e espere no Senhor, pois sua justiça nunca falha”, declarou. “Sigo com a plena certeza que o mal por si só se destrói”, completou.

Leia Também