MPF denuncia Roberto Jefferson por tentativa de homicídio

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Nesta quarta-feira (7), o Ministério Público Federal (MPF), denunciou o ex-deputado Roberto Jefferson por tentativa de homicídio contra agentes que tentam cumprir o mandado de prisão. A situação aconteceu no dia 23 de outubro no Rio de Janeiro.

Durante depoimento à Polícia Federal, Roberto Jefferson confessou ter disparado mais de 50 vezes e lançado 3 granadas. Em denúncia o MPF disse que o ex-deputado agiu “dolosamente e consciente da ilicitude e reprovabilidade de suas condutas” ao “tentar matar 4 Policiais Federais, com emprego de explosivo ede meio de que resultou perigo comum”.

Ainda de acordo com o MPF O ‘bolsonarista’ “usou como meio recurso que dificultou a defesa de autoridade e agentes no exercício da função descritos no artigo 144 da Constituição Federal e com emprego de arma de fogo de uso restrito, cujos resultados (mortes) não se consumaram por circunstâncias alheias à sua vontade”.

A denúncia é assinada pelos procuradores da República Charles Stevan da Mota Pessoa e Vanessa Seguezzi.

 

Leia Também