Morre motorista que “raspou porta de carro” e foi brutalmente espancado no Japiim

Facebook
Twitter
WhatsApp

Wilmar Borges de Oliveira, 63 anos, morreu nesta quarta-feira (30), após ser brutalmente espancado por ter arranhando a porta de um veículo na rua Polivalente, bairro Japiim zona Sul de Manaus. A vítima estava internada em coma desde sábado (26), no Hospital João Lúcio, data que o crime ocorreu.

ADVERTISEMENT

Criança de 4 anos morre após ter cabeça esmagada por van no Distrito

As agressões, segundo contou o cunhado do idoso, Francisco de Assis Leite Almeida, 56 anos, aconteceram depois que ele tentando desviar de um ônibus, acabou raspando a porta de um veículo estacionado na via.

O dono do automóvel e autor do homicídio, identificado como Alan Jones Moreira Monteiro, 42, teria saído do Bar do Flamengo, não permitiu que o idoso se explicasse começou a chingá-lo com palavras de baixo calão e em seguida deu um soco no rosto dele, que caiu na sarjeta e bateu a cabeça, apesar de ferido e sangrando, Alan Jones continuou a chutá-lo. O cunhado tentou apartar a briga, mas também foi agredido.

Wilmar foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), e morreu após quatro dias na UTI.

Alan Jones fugi e ainda não se apresentou à polícia. O crime foi registrado no 9º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Leia Também

plugins premium WordPress
error: Conteúdo protegido contra cópia!