Militar do Exército é assassinado com 16 tiros em Manaus e motivação do crime pode ser passional

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investiga a motivação do assassinato do militar do Exército Brasileiro Isaías Gabriel Pessoa Mesquita, de 21 anos. Ele levou 16 tiros na noite deste domingo (20), na rua 64, conjunto Mutirão, bairro Novo Aleixo, Zona Norte de Manaus.

De acordo com informações de policiais militares da 27ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), foi informado que estava havendo um tiroteio na área. Ao chegarem no endereço, Isaías já estava morto.

Ele foi atingido na cabeça, costas e braços com tiros de pistola. À polícia, familiares informaram que não imaginam o motivo do crime, já que a vítima não tinha passagem criminal.

O militar estava em Manaus há pouco tempo e a única suspeita levantada pela família é de que o crime seja passional, já que ele estava se relacionando com uma pessoa há pouco tempo.

O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML), na Cidade Nova, Zona Norte.

Leia Também