Vídeo: Homem é procurado pela DEHS suspeito de ter matado venezuelana no Mauazinho

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) procuram pelo venezuelano Andres Eduardo Munhoz Pinto, de 31 anos. Ele é suspeito de assassinar a também venezuelana Yeimy Yenileth Vargas Rodríguez, de 27 anos, morta a facadas na última terça-feira (5), numa quitinete no beco Asa Branca, avenida Rio Negro, bairro Mauazinho, Zona Leste.

Imagens de uma câmera de segurança filmaram Andres saindo do beco minutos após o crime. Segundo a delegada Déborah Barreiros, adjunta da DEHS, ele estava com as mãos com manchas vermelhas, supostamente sangue, e não foi mais visto na vizinhança.

De acordo com a delegada, Andres conhecia a vítima e era ajudado por familiares dela. A motivação do crime, no entanto, é investigada. “Sabemos que foi levado apenas um celular da Yeimy. Não podemos afirmar se foi latrocínio ou homicídio qualificado”, explicou.

A hipótese para o crime, no dia do fato, era de que o assassino estaria atrás da quantia em dinheiro que a vítima guardava. A mesma seria usava para trazer uma filha de Yeimy, que ainda mora na Venezuela.

Hipótese

No dia do crime, o delegado Cristiano Castilho, titular do 14° DIP, informou que a possível motivação do crime seria a procura por uma quantia em dinheiro, que estava sendo guardada pela vítima para trazer uma filha, que está morando na Venezuela.

Denúncias sobre Andres podem ser repassadas para o disque denúncia da DEHS pelo telefone (92) 98118-9535.

Leia Também