Furtos de fios causam prejuízos e riscos ao trânsito de Manaus

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
Entre os locais mais prejudicados pelos furtos estão as avenidas Camapuã e Autaz Mirim (Grande Circular), ambas na zona Leste de Manaus, e Max Teixeira, na zona Norte da capital.

As ações dos criminosos em busca de metais, sobretudo o cobre, têm provocado cada vez mais interrupções nos semáforos da cidade e afetado o trânsito de Manaus. Desde o início deste ano, mais de 315 metros de material foram furtados de postes e semáforos da capital, segundo dados da Prefeitura de Manaus, compilados pelo Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU)

Entre os locais mais prejudicados pelos furtos estão as avenidas Camapuã e Autaz Mirim (Grande Circular), ambas na zona Leste de Manaus, e Max Teixeira, na zona Norte da capital.

No último dia 9/3, 90 metros de cabos foram furtados de uma unidade semafórica na avenida Cosme Ferreira, zona Leste, em frente ao estádio Carlos Zamith.

Outro furto ocorreu na última segunda-feira, 14, na avenida Camapuã, em frente ao hospital Francisca Mendes, zona Norte da cidade. Do local foram levados 70 metros de fios.

O chefe da Divisão de Sinalização Semafórica do IMMU, Miguel Carlos Júnior, lamentou os prejuízos causados pelos furtos. “Além do prejuízo financeiro e material, há o risco de ocorrer acidentes gravíssimos nesses locais por causa da ausência de sinalização. O que fazemos nestes casos é registrar Boletim de Ocorrência e acompanhar a apuração dos fatos”, frisou.

Dados

Durante todo o ano de 2021, no semáforo em frente à feira do Coroado, foram furtados cerca de 400 metros de cabo. Em frente ao conjunto Tiradentes, na mesma via, em 2021, foram 300 metros de fiação furtados.

Outro ponto visado é o semáforo em frente a um dos maiores polos geradores de tráfego da cidade, em frente ao hospital e pronto-socorro João Lúcio, onde 100 metros de fiação foram furtados em 2021.

Para minimizar o volume das ocorrências, o IMMU tem feito a alteração dos controladores semafóricos, monitorando os pontos de maiores incidências com as câmeras do Centro de Cooperação da Cidade (CCC) e por meio do telefone 0800 092 1188, onde a população avisa aos agentes de trânsito sobre os furtos e os mesmos contactam a Polícia Militar, por meio de uma linha direta.

Leia Também