Luto no Vasco: morre aos 68 anos o ex-jogador Roberto Dinamite

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

RIO DE JANEIRO – O Vasco e o futebol brasileiro estão de luto. Morreu neste domingo (8),  o ex-jogador Roberto Dinamite, maior ídolo da história do clube. Ele tinha 68 anos.

Ele lutava contra o câncer de intestino, desde 2021. Roberto teve uma piora no quadro e foi internado ontem, no Rio de Janeiro.

Carlos Roberto Gama de Oliveira nasceu em 13 de abril de 1954, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. O apelido que marcou a carreira foi dado em 1971, após marcar o primeiro gol pelo Vasco em uma vitória por 2 a 0 sobre o Internacional.

Roberto também foi jogador da Seleção. Marcou 708 gols pelo Vasco. Com o clube, ele conquistou um Campeonato Brasileiro (1974) e cinco Campeonatos Cariocas (1977, 1982, 1987, 1988 e 1992). O ex-jogador é o maior artilheiro do campeonato brasileiro, com 190 gols, e em campeonatos cariocas, 279. Ele jogou às copas de 1978 e 1982.

O ex-jogador foi eleito presidente do Vasco em 2008 e teve que lidar com o rebaixamento do clube. No ano seguinte, a equipe conquistou o título da Série B do Brasileirão, e em 2011 alcançou o inédito título da Copa do Brasil. Em 2013,  o Vasco caiu novamente para a Segunda Divisão, e Roberto encerrou seu segundo mandato no ano seguinte.

Leia Também