Líder da FDN que ordenou massacre em Manaus é morto com um tiro na cabeça na Praça 14

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Considerado um dos mais importantes líderes da Família do Norte no Amazonas, Alan Barbosa Rolim, vulgo Zaqueu, foi morto com um tiro na cabeça neste sábado, na Praça 14. Ele foi surpreendido por rivais na rua Emílio Moreira.

Zaqueu foi baleado dentro do seu Sandero, onde dois homens em cima de uma moto encostaram bem ao lado e efeturaram o serviço. Zaqueu é suspeito de ser um dos mandantes do massacre que resultou na morte de 55 pessoas em 2019. Zaqueu era braço direito de Zé Roberto da Compensa.

Os crimes ocorreram no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), no Centro de Detenção Provisório (CDPM 1), no Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat) e na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP).

Em 2019 Zaqueu foi preso em Salvador, na Operação Sétimo Círculo. Eles estava na Bahia. A Polícia Civil vai investigar a morte dele e tentar apurar se a execução tem ligação com os fatos de 2019.

Leia Também