Julgamento de acusado de matar ex-miss Manicoré é marcado para final de outubro

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
Rafael confessou ter matado a ex-miss, Kimberley por ciúmes. Ele vai a Júri Popular.

O julgamento de Rafael Fernandez Rodrigues, acusado de ter matado a ex-miss Manicoré, Kimberly Mota, foi marcado para ser realizado no dia 27 de outubro. A informação foi confirmada pelo Tribunal de Justiça de Amazonas (TJAM).

Atualmente Rafael está preso em regime fechado, no Centro de Detenção Provisória Masculino 2. Ele confessou ter matado Kimberly por ciúmes da vítima.

O julgamento está marcado para acontecer no Tribunal do Júri, que fica na avenida Umberto Calderaro Filho, no bairro Adrianópolis, zona Sul de Manaus.

Relembre o caso

Kimberly foi assassinada a facadas pelo ex-namorado, Rafael Fernandez, no dia 11 de maio de 2020. Ela estava no apartamento dele quando foi morta. Uma amiga dela contou à polícia que o rapaz tinha buscado a ex-miss na casa dela no dia 10 de maio.

No dia seguinte, a família da jovem foi até o apartamento do suspeito, mas ninguém conseguiu falar com ele, ou com Kimberly. Após acionarem a polícia, os familiares souberam que a ex-miss havia sido encontrada, sem vida, na varanda do apartamento de Rafael.

O rapaz foi preso dias depois, no momento que tentava fugir, embarcando para a Espanha.

Leia Também