É pano pra muita manga! Leandro Hassun quer ver irmãs Lins sendo interrogadas na ação que moveram contra ele

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
As irmãs entraram com uma ação pedindo indenização de R$ 100 mil por ele ter chamado as duas de "burras" em rede nacional.

Após moverem uma ação judicial contra o humorista Leandro Hassum, as irmãs Gabrielle e Isabelle Lins devem ser chamadas a prestar depoimento pessoal perante a Justiça, onde serão interrogadas sobre a alegação de que foram xingadas em rede nacional. O pedido foi feito pelo advogado do humorista, no âmbito da ação movida pelas irmãs contra Hassum em 2021.

A defesa cita o artigo do Código de Processo Civil no qual tem o seguinte teor: “Cabe à parte requerer o depoimento pessoal da outra parte, a fim de que esta seja interrogada na audiência de instrução e julgamento, sem prejuízo do poder do juiz de ordená-lo de ofício”.

A ação

As irmãs Lins pedem indenização por danos morais de R$ 100 mil sob alegação de que foram chamadas de “burras” por ele no programa ‘Encontro com Fátima Bernardes’ do dia 22 de janeiro do ano passado. Na ocasião, os participantes falavam sobre uma investigação de possível burla à fila de vacinação em Manaus, na qual as irmãs estariam envolvidas.

Na ocasião, Fátima questiona Hassum sobre o sentimento dele quando olha as imagens e ele responde: “Quando eu vejo que posta eu já acho burra. A primeira coisa que me vem é que é burra. Burra. Né, amor. Na boa, quer fazer besteira, para quê posta? ‘Olha eu fazendo besteira aqui gente’”, disse o humorista.

Um mês após o programa, as irmãs processaram Hassum na Justiça do Amazonas pedindo indenização de R$ 50 mil para cada uma delas, “levando em consideração a notoriedade do requerido, o fato de ter proferido sua fala em rede nacional, o fato de ter maculado não só a honra subjetiva das Autoras, mas o nome de sua família”.

A audiência de conciliação foi marcada para dezembro de 2021, mas apenas Gabrielle Lins compareceu à reunião, acompanhada de advogados que também representam a irmã dela. A Justiça informa que Hassum, apesar de ter sido citado, não foi à audiência. As irmãs pediram a aplicação de multa ao humorista em razão da ausência injustificada.

Leia Também

error: Conteúdo protegido contra cópia!