Jovem empurrada da ponte da 7 de Setembro luta pela vida no 28 de Agosto: namorado é suspeito do crime

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Empurrada da Ponte da 7 de Setembro, internada no 28 de Agosto em estado grave e lutando para não morrer, enquanto pede justiça. Essa é a realidade de Alexia Chrysler Ribeiro Pedroso, de 21 anos. A família dela afirma que o namorado da jovem cometeu o crime após ter uma crise de ciúmes, ao ver ela conversando com um homem numa festa.

Emanuel da Silva Bruce, de 20 anos, nega, mas foi preso. A ponte tem uma altura de 15 metros. A vítima segue na UTI, enquanto o pai pede ajuda e jsutiça. O casal tem um filho de 3 anos. “Ele ficou com raiva por ter visto minha filha conversando com outra pessoa. Chegou até meus ouvidos que ela teria sido agredida com um soco no rosto e deixado pra trás, mas na verdade ele esperou ela sair e a seguiu de moto até a ponte da 7 de Setembro. Lá ele teria empurrado ela de cima da ponte”, contou o pai de Alexia, Alexandre Felipe Pereira Pedroso.

A jovem ainda contou que foi o namorado quem cometeu o crime. Já caída e ferida, enquanto esperava atendimento, ela disse que foi Emanuel. “Pai, me perdoa. O Emanuel me jogou da ponte”, contou o pai, a falar sobre o relato da filha.

Emanuel se apresentou à polícia e foi preso. Alexia não tem previsão de alta.

Leia Também