Jogadora de vôlei dá apoio a Bolsonaro, diz que voltou a ser hétero e leva alfinetada da ex: ‘Dica de cura gay?’

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Os fãs de Natália Zílio, jogadora de vôlei da Seleção Brasileira foram pegos de surpresa após ela dizer que é hétero. Isso porque é de conhecimento do público o namoro de cerca de um ano com a também jogadora Ana Beatriz Correa.

A revelação veio após Zílio declarar apoio ao presidente Jair Bolsonaro nessas eleições. Confrontada pela escolha no candidato, que tem falas homofóbicas, Natália disse que teve apenas uma “experiência”.

“Sou hétero. Vi que não era o que eu queria para a minha vida”, disse ela, que no entanto já havia namorado outra jogadora da seleção antes mesmo de Ana Beatriz. Por conta disso, a ponteira está sendo chamada de “gay de Taubaté”.

Ao saber do que Natália falou, Ana resolveu usar as redes sociais para debochar. “Me sigam para mais dicas sobre a cura gay! Hahahahaha mentira turma!”, brincou Bia no Twitter. “Vocês gostam de uma fofoca né? mas o segredo da cura, só provando pra saber”, disse em um post seguinte.

“Mais uma bolsominion que nega sua própria essência, decepção é o nome. Deixando de seguir”, detonou uma internauta.

Nas redes sociais de Ana Beatriz ainda há várias postagens dela com Natalia, como em datas comemorativas como o Natal e Páscoa.

Leia Também