Integrante de trenzinho infantil morre vestido de Naruto ao levar tiro na cabeça

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

MINAS GERAIS | Um homem de 46 anos, que representava o personagem “Naruto” (história japonesa sobre ninjas) em um trenzinho da alegria de Governador Valadares, no Vale do Rio Doce, foi baleado durante o trabalho na noite desse sábado (24), em uma briga do tráfico de drogas. Ele morreu a caminho do hospital. Quatro adultos foram presos e dois adolescentes foram apreendidos por suspeita de envolvimento com o caso.

De acordo com a Polícia Militar, testemunhas relataram que os suspeitos parearam um automóvel com o veículo de entretenimento, na rua Ouro Preto, no bairro Jardim Pérola, e iniciaram disparos de arma de fogo. Três dos trabalhadores que estavam na carreta revidaram, e houve troca de tiros.

Na confusão, “Naruto” foi atingido na cabeça. Em seguida, os homens que estavam no carro menor fugiram. A vítima foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), mas acabou falecendo no trajeto.

Durante diligências, a corporação localizou o carro utilizado no crime e conseguiu aprender dois rapazes de 22 e 23 anos, e apreender dois adolescentes, de 15 e 16 anos. Todos foram levados para a Delegacia de Polícia Civil de Governador Valadares. Um terceiro envolvido no crime não foi localizado.

Ainda conforme o boletim de ocorrência, o atrito tem relação com o tráfico de drogas da região. Não se sabe, porém, qual era a ligação de “Naruto” com os demais membros do grupo.

‘Quico’

Na quarta-feira (21), um adolescente de 16 anos, que trabalhava em um trenzinho da alegria vestindo a fantasia de “Quico”, personagem da série mexicana “Chaves”, foi baleado no bairro Santos Dumont II, em Governador Valadares, na região do Rio Doce. A vítima foi socorrida no veículo do trenzinho por colegas de trabalho até o hospital do município, onde teria ficado internado em estado grave.

Leia Também