Grávida é executada a tiros em condomínio; ela já foi presa em Manaus após cirurgia de silicone

Facebook
Twitter
WhatsApp

Uma mulher grávida identificada como Daiane Seixas dos Santos, de 31 anos, mais conhecida como “Pequena”, foi assassinada dentro do próprio apartamento no condomínio Village, no bairro Tarumã, Zona Oeste de Manaus. O crime ocorreu na noite desta quinta-feira (14).

ADVERTISEMENT

De acordo com informações da Polícia Militar, Pequena é esposa de um traficante conhecido como “TH” ou “Thiaguinho Matador” e também tem passagem pela polícia por corrupção ativa, porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas. O casal seria de uma facção criminosa da cidade.

A mulher estava em casa nesta quinta-feira quando um criminoso conseguiu pular o muro do condomínio e ir até o apartamento dela. Pequena morreu na hora. Além da gravidez, ela já tinha outros dois filhos que ainda seriam pequenos.

A motivação para o crime ainda não foi identificada pela polícia, mas a suspeita é que tenha relação com o tráfico de drogas.

Passado criminal

Em 2021, Pequena foi presa junto com o marido, suspeito de vários homicídios na cidade, no bairro Parque das Laranjeiras, Zona Centro-Sul de Manaus. Eles estavam em posse de 10 armas de fogo, R$ 10 mil em espécie e a mulher chamou a atenção porque usava um sutiã pós-operatório, já que havia colocado silicone recentemente.

Antes, em 2016, Daiane tentou subornar policiais com R$ 10 mil para não ser presa, no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus, quando havia dois mandados de prisão para serem cumpridos contra ela. Ela acabou de novo na prisão, na época.

 

Leia Também

plugins premium WordPress
error: Conteúdo protegido contra cópia!