Garoto de 5 anos morre com ferimento na cabeça e Depca ouve os pais e familiares

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Policiais da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (DEPCA) investigam a morte de João Miguel Mota Gomes, de 5 anos, ocorrida na tarde desta segunda-feira (8), no bairro Cidade de Deus, Zona Norte de Manaus. À polícia, os pais teriam dito que ele havia sofrido uma queda, há duas semanas, e bateu a cabeça.

A criança tinha um grande ferimento na testa, mas a mãe informou que não conseguiu levá-lo ao hospital no dia do ocorrido. Nesta segunda, João Miguel teria começado a passar mal e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas ao chegarem ao local, ele já estava morto.

Policiais militares da 13ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foram acionados pelos vizinhos por volta das 16h. Eles contaram que, no dia da queda, haviam se oferecido para levar a criança ao hospital, mas a família preferiu ficar “rezando” nele.

O Departamento de Polícia Técnico-Científico (DPTC) foi acionado e um exame de necropsia será feito. Como ainda não há causa da morte e os policiais estranharam o ferimento feito há tanto tempo, os pais e outros familaires de João Miguel foram levados para prestar esclarecimentos na DEPCA, na noite de hoje (8).

Leia Também