Foto de pastor usando sunga dentro da piscina choca igreja e ele é afastado das funções

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Você não leu errado. O pastor David Miranda Neto, líder do Regenere, foi afastado das funções ministeriais na Igreja Petencostal Deus é Amor (IPDA) após vazarem fotos dele usando sunga e a esposa, biquíni, dentro da piscina com a filha do casal. A ala conservadora achou um absurdo.

O pastor confirmou o afastamento dele e de Karina Mendes Miranda temporariamente pela diretoria executiva da IPDA. A tia dele, Léia Miranda, também foi afastada essa semana após ela aparecer em um áudio, atribuído a ela, elogiando o pênis de um pastor.

Em um vídeo publicado nas redes sociais, o pastor confirmou o vazamento da foto, onde mostra uma família feliz curtindo um dia de piscina. David disse que achou “estranho” o vazamento logo após a polêmica com a tia.

Sem citar o nome de Léia, David disse que o vazamento pode ter partido de uma pessoa que caiu e quer derrubar diversas outras pessoas com ela.

“Então, quem será que vazou essas fotos? Nossa, que dilema, realmente. Muito estranho. Que tempo perfeito e oportuno que uma pessoa aí que caiu e quer derrubar diversas outras pessoas com ela, né?”, disse ele.

Leia Também