Filha de policial presa por fraude queria ser investigadora de polícia

Facebook
Twitter
WhatsApp

Nadine Novello Conde Carlos, 31, filha do policial civil Cyrillo Conde Carlos, foi presa no último domingo com uma câmera escondida durante o concurso para investigadora de polícia de São Paulo..

ADVERTISEMENT

Advogada, ela escondeu a câmera nas roupas, com um equipamento que mandava imagens para alguém poder ler as perguntas. Em 2021, quando se formou advogada, na Unifaat, postou um textão agradecendo a Deus pelo sucesso.

“Bacharela em direito, obrigada, Deus, por mais essa conquista”, escreveu.

Nas redes sociais ela se mostra atiradora e dedicada aos estudos. No dia da prova, Nadine foi preso graças a um fiscal que viu a atitude suspeita dela. Depois de pagar R$ 6,6 mil de fiança ela foi solta.

Mas o vexame está feito. .

Leia Também

plugins premium WordPress
error: Conteúdo protegido contra cópia!