Namorando Adriana Calcanhotto, atriz Maitê Proença diz que queria que cantora fosse homem

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Os fãs ficaram surpresos quando a atriz Maitê Proença assumiu relacionamento com a cantora Adriana Calcanhotto. Em entrevista a uma revista, a ex-global falou do relacionamento e disse que, apesar de gostar da namorada, queria que ela fosse homem.

“Eu queria que ela fosse homem. Para essa atividade sempre gostei mais de homem. Mas ela é mulher, gosto dela e aceito isso”, disse, referindo-se à “atividade sexual”.

Depois, ao imaginar que a frase não soaria bem, ela emendou: “Sei que as feministas e os LGBTs não vão gostar do que acabei de dizer, mas, honestamente, é assim, entendeu? Posso experimentar algo diferente para estar com ela”, continuou.

Logo em seguida a fala não foi bem aceita na internet e a ex-global foi acusada de lesbofobia.

Para muitos internautas, a fala de Maitê soa como lesbofobia. “Pensando muito na reportagem da Maitê Proença sobre a Adriana Calcanhotto. e assim, se você é uma mulher que se relaciona com outra, desejando que ela fosse um homem, ce não é bissexual, nem lésbica, nem nada kk é hetero que gosta da atenção que essa mulher pode te proporcionar”, apontou uma.

Leia Também