Família encontra sandálias de servidor da Funasa desaparecido após queda da ponte na BR-319: ‘é como faca no peito’

Facebook
Twitter
WhatsApp

A família do servidor da Funasa João Nascimento Fernandes, de 58 anos, vive um drama. Desde o dia do desabamento da ponte na BR-319 sobre o rio Curuçá, não sem tem mais notícias dele. Apenas as sandálias foram encontradas.

ADVERTISEMENT

João deixou a esposa no carro e foi ver se as condições da ponte permitiam a passagem. Foi nesse momento que a ponte desabou. “Ele sumiu no rio”, afirma a neta, Ana Beatriz. A esposa está em estado de choque.

“As horas que passam são como faca entrando lentamente em meu peito”, desabafa a neta, que espera encontrar João, “seja como for”.

Leia Também

plugins premium WordPress
error: Conteúdo protegido contra cópia!