Falsa médica é denunciada após atender bebês por 10 dias em hospital de Parintins

Facebook
Twitter
WhatsApp

Uma mulher identificada como Maria Clara Gomes Feitosa da Silva passou cerca de 10 dias fingindo ser médica e atendendo bebês no Hospital Regional Jofre Cohen, em Parintins, interior do Amazonas. A suspeita usou o CRM de uma ginecologista de Pernambuco.

ADVERTISEMENT

O caso veio à tona após médicos desconfiarem da atuação da farsante em desconhecer certos procedimentos. De acordo com a Secretaria de Saúde de Parintins, a mulher fez os atendimentos em novembro de 2022 e atendeu oito crianças. Elas estão bem.

Maria Clara ficou na área de neonatologia, local destinado aos recém-nascidos. Ela deve ser denunciada por falsidade ideológica e exercício ilegal da profissão, podendo ser condenada a até nove anos de prisão.

A mulher teria sido contratada por uma empresa terceirizada, por meio do Governo do Estado. O Conselho Regional de Medicina do Amazonas foi acionado.

Maria Clara Gomes teria ido embora de Parintins em dezembro e não foi mais vista.

Leia Também

plugins premium WordPress
error: Conteúdo protegido contra cópia!