Renato Gaúcho é demitido do Flamengo após perder título da Libertadores

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
Renato já não contava com o apoio da torcida e com a derrota na final da Libertadores a situação dele no time só piorou.

Após a derrota para o Palmeiras na final da Libertadores, o Flamengo anunciou nesta segunda-feira (29), por meio de nota, a demissão do treinador Renato Gaúcho.  “O Clube de Regatas do Flamengo informa que, após conversa entre as partes, o técnico Renato Gaúcho não comanda mais o time principal”, diz a postagem.

A decisão veio depois que o rubro-negro amargou uma derrota por 2 x 1 para o Palmeiras, na final da Copa Libertadores da América.

Renato estava à frente do Flamengo desde do dia 10 de julho, quando foi contratado após a saída de Rogério Ceni do time. Durante o tempo em que esteve no rubro-negro, o treinador não conquistou nenhum título.

Além da perda da Libertadores, o Flamengo foi eliminado na semifinal da Copa do Brasil pelo Athletico Paranaense e viu a briga pelo título do Campeonato Brasileiro ficar cada vez mais distante.

O Flamengo ocupa a 2ª colocação na tabela e, se perder a próxima partida contra o Ceará, na terça-feira (29), verá o campeonato ser levado pelo Atlético Mineiro.

Renato já não contava com o apoio da torcida, que criticava a forma como o time vinha jogando. A derrota para o Palmeiras sábado, em Montevidéu, na final da maior competição continental da América do Sul, foi a pá de cal para que a diretoria decidisse por encerrar o contrato antes de seu término, previsto para 31 de dezembro deste ano.

Leia Também