Manaus FC perde para Novorizontino e se despede do sonho ao acesso à Série B

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Com derrota por 2 a 0 frente ao Novorizontino-SP, o Manaus FC deu adeus ao sonho do acesso na Série C do Brasileirão. Com gols de Edson Silva e Douglas Baggio, o time paulista venceu o duelo na tarde de domingo (7), no Estádio Jorge Ismael Di Biasi, em Novo Horizonte (SP), e eliminou o Gavião Real do torneio.

Com o resultado, o Manaus FC volta suas atenções para a Copa Verde. O Gavião Real encara o Clube do Remo, no próximo dia 12, na Arena da Amazônia, pelas quartas de final da competição interestadual.

A decisão começa e o time da casa leva pressão dos visitantes. Aos 12 minutos, o atacante Denilson recebe bom lançamento na grande área e cabeceia firme pro chão, como manda o manual, mas o goleiro Giovanni joga pra escanteio salvando o Novorizontno-SP.

O clima azedou pro atacante Denilson, que sentiu lesão e deixou o campo para a entrada de Diego Rosa, aos 18 minutos de jogo. O Tigrão sente o melhor momento e Pereira arrisca de longe para boa defesa de Matheus Inácio.

Já no final do primeiro tempo, aos 42 minutos, Danielzinho cobra falta na entrada Da área do Gavião, mas a bola passa por sobre a meta de Matheus Inácio. Já nos acréscimos do primeiro tempo, Lucas Raphael recebe no meio e arrisca de fora da área, mas manda longe da meta de Giovanni.

Na segunda etapa, o treinador Evaristo Piza mexeu no time. Saiu Guilherme Pira e entrou Douglas Lima. E o Tigrão veio pra cima com tudo, logo no primeiro minuto acertou uma bola no travessão de Matheus Inácio em belo arremate de Barba.

O Manaus FC tenta voltar pro jogo e, aos 8 minutos, Douglas Lima acha Gabriel Davis na área. O camisa 10 do Gavião tenta a finalização, mas erra o alvo.

Em lance de bola parada, o Novorizontino-SP abre o placar e complica a vida do Manaus FC. Edson Silva, aos 18 minutos, aproveita bobeira da marcação do Gavião e escora para fazer 1 a 0 em Novo Horizonte. O time amazonense sentiu o baque e o Tigrão partiu pra matar o jogo.

Aos 22 minutos, Guilherme Larazoni recebeu livre na área e finalizou, mas a bola passa rente a trave de Matheus Inácio. Piza muda o time e saca de uma só vez Guilherme Amorim e Rafhael Lucas para as entradas de Anderson Paraíba e Daniel Costa.

O Manaus FC não se achou na segunda etapa e o Novorizontino-SP segue mantendo o controle da partida. Aos 30 minutos, Cléo Silva aproveita nova falha do sistema defensivo do Manaus FC e fuzila para grande defesa de Matheus Inácio.

Se as coisas estavam ruins pro Gavião, elas ficaram ainda piores aos 38 minutos. Danielzinho achou Lazaroni pela esquerda, que cruzou na medida para Douglas Baggio só empurrar pro fundo das redes. Banho de água fria nas pretensões do Gavião.

Após o segundo gol, o Novorizontino-SP gasta o tempo e espera o final da partida para comemorar o acesso à Segunda Divisão do futebol nacional. A arbitragem ainda acresceu sete minutos ao duelo. Mas não o Manaus FC não teve mais forças para reverter o marcador e, consequentemente, o acesso. Quem sabe em 2022.

Leia Também