Manaus inova com primeira feira flutuante do país

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

O fenômeno da cheia dos rios e outras características peculiares da cidade levaram a Prefeitura de Manaus a encarar um projeto inovador no país: a construção de uma feira sobre as águas do Rio Negro. Localizada na Manaus Moderna, no centro da capital, a estrutura foi construída em tempo recorde e entregue no último dia 19, garantindo a continuidade das vendas dos feirantes da área.
Da mesma forma que beneficia os trabalhadores, a feira também garante condições adequadas de compra à população que costuma frequentar a Manaus Moderna em busca de produtos com qualidade e preços baixos.
Sem a feira flutuante, os feirantes teriam que trabalhar de forma improvisada, sem qualquer segurança sanitária para seus clientes. Na
nova estrutura estão 221 boxes, rede de tratamento de água e banheiros químicos.
A entrega da feira faz parte das estratégias do Comitê de Enfrentamento das Cheias Fluviais, criado pela gestão municipal e realizando há mais de 30 dias a “Operação Cheia 2021”. A previsão, segundo o Serviço Hidrológico do Brasil (CPRM), é de que a enchente deste ano ultrapasse a cota dos 30 metros, o que exige ainda mais esforços das autoridades.
Para evitar maiores prejuízos também foram ou vêm sendo desenvolvidas as seguintes ações:
 Cadastro de 3 mil famílias para receber ajuda social;
 Construção de pontes e passarelas metálicas e de madeira. São 4 mil metros de pontes, com previsão de construção de mais 3 mil metros
para atender as áreas mapeadas;
 Pagamento de Auxílio Aluguel e Auxílio Enchente, que somados darão o valor de R$ 500 por mês;
 Distribuição de cestas básicas, colchões, lençóis e redes;
 Construção de barricadas e barreiras de proteção;
É para garantir o bem de todos que a Prefeitura de Manaus vem trabalhando, trazendo soluções e grandes mudanças.

Por: Secretaria Municipal de Comunicação
Conteúdo de responsabilidade do anunciante

Leia Também